Medicação via oral

medicação viral oral tratamento capilar dra. telma giordani

Medicamentos via oral costumam ser eficazes no controle da queda de cabelo, desde que administrados na dose correta e sempre recomendados pelo médico.

O que é medicação via oral?

São remédios, industrializados ou manipulados, contendo substâncias e ativos específicos para controlar a queda de cabelo e tratar os diferentes tipos de alopecias.

Como funcionam?

O paciente primeiro passa por uma avaliação médica, onde o profissional realizará uma série de procedimentos para determinar a causa da queda de cabelo, saber o grau da queda e os objetivos do paciente. Com isso, o médico irá receitar alguns medicamentos via oral, que devem ser administrados de acordo com as recomendações, nas doses corretas e pelo período predeterminado.

Essas medicações são exclusivas para serem administradas via oral (pela boca), excluindo injeções e produtos de uso tópico.

Contraindicações e efeitos colaterais

Todos o medicamento via oral tem alguma contraindicação e causam efeitos colaterais. Por isso é imprescindível que eles só sejam usados pelo paciente conforme orientação profissional. Somente o médico pode receitar medicamentos com segurança, levando em conta o histórico do paciente e doenças preexistentes.

Recomendações

A medicação via oral é recomendada para o tratamento dos diversos tipos de alopecias, queda de cabelo, estímulo ao crescimento dos fios, fortalecimento capilar e nutrição do couro cabeludo. Alguns medicamentos contam com outros efeitos, como melhora da circulação, por exemplo, o que impacta diretamente na diminuição da queda dos cabelos.

Quais medicações são mais recomendadas para o tratamento capilar?

É importante advertir que qualquer medicamento usado para tratar a queda de cabelo deve ser recomendando por um médico. A administração de medicamentos sem orientação de um profissional pode fazer com que o tratamento não surta efeito, agravar a queda e até mesmo provocar outros problemas.

Minoxidil: indicada para o tratamento da alopecia androgenética, essa substância atua no estímulo ao crescimento capilar, aumentando o calibre dos vasos sanguíneos, melhorando a circulação do couro cabeludo e prolongando a fase de crescimento dos fios.

Finasterida: amplamente utilizada para tratamento da alopecia androgenética, aumenta o crescimento do cabelo e previne a queda.

Espironolactona: substância que pode ser usada para o tratamento da alopecia em mulheres, age retardando a progressão da queda e promovendo o estímulo ao crescimento capilar.

Suplementação vitamínica para queda de cabelo

A deficiência de minerais e vitaminas é uma das causas mais comuns do enfraquecimento e queda de cabelo. Portanto, se o médico identificar a carência de alguma substância, ele pode recomendar a sua reposição, através da manipulação ou uso de suplementos industrializados.

Todas as vitaminas têm impacto na saúde e na qualidade dos cabelos, entretanto as vitaminas A, B e E são as mais específicas, já que estimulam o crescimento do cabelo, controlam a queda e ajudam a melhorar a textura dos fios.

Os minerais também são agentes importantes na saúde dos cabelos e do corpo de forma geral. Portanto, a deficiência de algum mineral no corpo pode impactar diretamente no aumento da queda de cabelo. O zinco e o silício, encontrados em alimentos como ostras, fígado, leite e farelo de trigo, são alguns dos minerais mais importantes para manter a saúde dos cabelos e o controle da queda. A suplementação desses minerais pode ser recomendada pelo médico através de cápsulas industrializadas ou manipuladas.

Medicamentos fitoterápicos

Dependendo dos objetivos do paciente e do caso a ser tratado, o médico pode recomendar algum medicamento fitoterápico, que pode auxiliar no tratamento da queda. O alecrim é uma das plantas mais utilizadas em medicamentos para controlar a queda, já que age eliminando a caspa.

Medicamentos fitoterápicos para controle da queda capilar também levam em sua composição o Ginko Biloba, que auxilia na melhora do fluxo sanguíneo, facilitando a nutrição do couro cabeludo.

Open chat